quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Entrevista com o Erlon


 Bom dia pessoal!
Nessa manhã maravilhosa vamos postar para vocês a entrevista que fizemos com o blogueiro Erlon de Andrade. Erlon tem 46 anos é coordenador de evangelismo em presídios e escritor do livro Poço da tragédia, vale a pena conferir esse livro pessoal. Ele também tem um blog onde leva a palavra de Deus a muitas pessoas e escreve os seus pensamentos além de ter uma página no facebook chamada Blogueiros do Brasil onde os blogueiros podem interagir uns com os outros divulgando os seus blogs. Ufa! Acho que acabou... rsrs. Então vamos lá conhecer um pouco mais de homem abençoado por Deus e que faz tanto pela sua obra.




      1)  Como você conheceu a palavra do Senhor?
       R: Primeiramente entrei para uma religião aparentemente cristã, porém, com tempo percebi que era uma seita. Ainda ocupei um cargo de líder. Depois de algum tempo, já casado, decidi sair. Entramos para uma igreja evangélica tradicional. Depois de um ano, estávamos em casa; lendo a bíblia. Em uma oração, minha esposa foi batizada com o Espírito Santo. Fato não aceito pelos tradicionais. Houve uma rejeição por parte do pastor daquela igreja. E para evitar constrangimento decidimos que deveríamos procurar outro lugar para se congregar. Fomos bem recebidos em uma igreja pentecostal.
    2) Você faz ou já fez parte de algum conjunto que trabalhe na igreja? Ex: líder de   conjuntos, obreiro, tesoureiro etc. O que achava na obra?
R: Fui vice-dirigente de congregação, uma boa experiência. Entretanto é algo do passado e não enche mais os olhos de brilho, devido às picuinhas internas por causa de posições eclesiásticas.
      3)    Como  você vê a igreja de hoje, quais os pontos positivos e os negativos?
 R: A igreja hoje vive sob o domínio monetário, onde a maioria dos fiéis não é capaz de    discernir o certo do errado. Não pensa por si mesmo(a). A vida dessas pessoas é alicerçada sob as palavras dos líderes que dominam a mídia televisiva. Vivemos sob uma coação social; ouvimos as informações dadas pelos líderes e devido ao “alto” gabarito desses homens, os fiéis aceitam tudo o que eles falam como verdade. Não porque tenham sido convencidos com provas e argumentos; mas sim, pelo fato do Líder estar em uma posição de poder e assim  é entendido pela grande maioria que o “mestre” merece total confiança. Quando questionamos, questionamos temas doutrinários de outras denominações que não nos levam a nada.
      4)    Conte - nos um dos muitos milagres que Deus fez em sua juventude.
     R: Numa certa noite depois de ministrar a palavra do Senhor na Congregação Ágape em uma campanha de oração e de ter ficado conversando com o irmão Hilton uns 20 minutos, tempo suficiente para a rua ficar deserta. Ao seguir para casa de bicicleta despercebido de tudo,  e de repente dois rapazes também em uma bicicleta me abordaram com uma arma. Queriam a minha bicicleta!Fiquei em um estado como se estivesse sonhando, sonolento como que anestesiado. 
    Quando um deles estendeu a mão para pegar o guidão da bicicleta, eu em um impulso do homem natural que não mede consequências reagi desferindo um soco no rapaz. Mas devido ao estado sonolento em que eu me encontrava, ao desferir o golpe, devido à lentidão a qual estava, quando me virei, me deparei com a arma apontada para minha testa a dois palmos de distância.
Neste momento parecia que alguém segurava as minhas mãos. Ele olhou bem nos meus olhos e efetuou o primeiro disparo, depois deu passo para trás e efetuou o segundo disparo, neste momento creio eu, ele começou a se apavorar e caminhar de costas, quando ele pegou certa distância, teimoso como eu era, levantei a bicicleta e lancei sobre ele, e nesta hora ele efetuou o terceiro disparo e fugiu em seguida. Quando eu acordei daquele estado sonolento vi pessoas me oferecendo água com açúcar e falando para eu me sentar. Ao contrário de tudo, olhei para trás, a bíblia estava no chão, peguei - a e levantei a bicicleta que estava jogada mais a frente e segui para casa. O estado sonolento o qual eu estava era simplesmente o Espírito de Deus sobre mim: Pois não se erra um tiro a dois palmos da testa. Todos os moradores que presenciaram e ouviram os disparos não eram crentes e ficaram atônitos por eu não ter sido morto naquela noite. 
    5)    Como você pensa que esta a parte missionário do mundo hoje? Tem missionários de mais ou falta missionários? Porque?
R: Sem dúvida, existe uma carência de missionários, tanto a nível nacional como internacional. A igreja vive sob quatro paredes. O missionário que se dispõe a ir até os confins da terra, também se dispõe; a morte, fome, doenças contagiosas e decapitação por fanáticos muçulmanos. A igreja, digo, líderes, preocupam-se mais com eventos do que em dar condições dignas de subsistência a esses homens e mulheres que trabalham com o coração. Ser missionário é sinônimo de sofrer, por quê? Pela falta de apoio.
    6)    Você realmente vive o que a palavra de Deus manda? Como nós que ainda somos jovens na fé podemos viver essa palavra nos dias atuais?
R: A palavra de Deus é vivida na prática, não adianta se enganar. O que destrói muitas vezes a vida de alguém é a falsa santidade. É achar que somos mais perfeitos do que os outros. O jovem precisa primeiramente dar honra aos pais para poder respeitar os outros.
     7)    Você teria ou teve coragem de ir para um campo missionário. Comente.
R: Muitos querem pregar para multidões, fazer missões, entretanto, como sair pelas ruas, se não há o mínimo de respeito pelo próximo? E isto começa em casa.
    8)    Nos dias de hoje estamos ouvindo muitas barbaridades que as igreja evangélicas estão fazendo roubando dinheiro do fieis o que você como cristão pensa sobre o assunto?
R: A igreja, aquela que vemos nos vídeos da internet, nos blogs, está em crise. E isto é irreversível e chama-se apostasia; porém existe outra igreja formada por pessoas fiéis. Muitos anônimos. Uma sinceridade que se expressa através do coração e não com palavras. Estes, por mais que caiam Deus os levantará.

Nenhum comentário: